FASE DE ADAPTAÇÃO:

CADÊ A MAMÃE?
Para facilitar o primeiro dia de aula das crianças, a principal lição vai para os pais, que devem controlar sua ansiedade e insegurança, pois ficam preocupados demais e acabam passando estes sentimentos para a criança.
Os pais se sentem culpados e tentam se convencer o tempo todo de que a escola será o melhor para os filhos — o que de fato é mesmo. Só na escola é que a criança vai aprender a sociabilidade, longe dos cuidados permanentes dos pais.
O QUE OS PAIS DEVEM FAZER?
Nos primeiros dias de aula fique na escola com a criança alguns minutos, e apenas vá embora, quando sentir que ela está interagida com os coleguinhas e com o ambiente, mas não demore muito para vir buscá-la.
Se precisar de argumentos para convencê-lo de que é bom ir à escola, diga:" Você vai aprender novos jogos, que poderemos jogar juntos depois".
Se você não puder trazer e ficar um pouco com seu filho(a) nos primeiros dias de aula, alguém da confiança dele(a) deverá ficar. Ele(a) deve sentir na escola uma continuidade do ambiente familiar e se sentir seguro(a).
Deixe-o(a) levar para a escola algum objeto querido (um brinquedo, fralda, travesseiro).
O QUE OS PAIS NÃO DEVEM FAZER?
Não fique falando muito sobre o primeiro dia, isso aumenta a ansiedade.
Não prometa presentes e nem nada em troca, para que não chore e se comporte bem.
Nunca chegue atrasado para buscá-lo(la) nos primeiros dias.
Não diga: "Agora que você vai para a escola, já é mocinho(a)". Para tentar mostrar que ainda são pequenas, algumas crianças regridem e voltam a fazer xixi na cama ou chupar chupeta.
Não minta, nem invente histórias. Explique direitinho o que vai ocorrer com seu filho na escola. Diga sempre a verdade!

Cuidado com os comentários! Não diga perto da criança que, agora que ela estará na escola, você terá tempo de fazer todas as coisas que precisar. Como por exemplo: ir ao mercado, fazer compras e etc..., pois isto pode despertar ainda mais o interesse da criança de ficar em casa com os pais.